Observações de uma brasileira nos Estados Unidos da América!

Vou dividir essa postagem em duas, porque ficaria extensa e muita gente tem preguiça de ler textos grandes… 😀

Lendo essa postagem, em outro blog, ver no link do crédito no final, achei interessante em compartilhar também aqui no Mistura Fio a Pavio, pela divulgação do comparativo entre as duas culturas Brasil x USA e como moro também nos Estados Unidos percebo muito essas diferenças…

brasil x usa

Renata Kotscho Velloso, morando em San Francisco, Califórnia há 3 anos e meio já deu para conhecer algumas curiosidades dos Estados Unidos. É provável que nem todas se apliquem ao país inteiro, afinal, como o Brasil os EUA tem dimensões continentais e muita diferença entre os 50 estados que compõem o país.

Para começar, nos Estados Unidos, apesar do patriotismo os americanos se identificam pelo Estado quando estão foram do país. Por exemplo, se você encontrar um americano em Paris e perguntar de onde ele é mais provável que ele vá te dizer que é da Flórida, ou da Califórnia e não dos Estados Unidos.

Dividindo por tópicos:

Trânsito

  1. Nos EUA as pessoas usam muito menos a buzina do que no Brasil. A buzina é usada apenas para evitar um acidente e não para reclamar com o outro motorista. A maioria dos motoristas aqui também não sabem que o carro vem equipado com seta, para você avisar para onde vai entrar…
  2. Já os bombeiros e ambulâncias fazem muito barulho por aqui. Se você se assustar toda vez que ouve uma sirene de bombeiro vai passar o dia tenso. Por outro lado nunca vi comboio transportando presidiários aqui, algo que me irritava bastante em São Paulo.
  3. Aqui nos EUA tem bem menos sinais de trânsito, ou faróis, do que no Brasil. Mas a cada esquina tem um sinal de PARE em que você tem que parar mesmo, com as quatro rodas. Não vale dar aquela brecadinha e seguir andando.
  4. Aqui nos EUA é permitido você entrar a direita mesmo quando o sinal está vermelho. Já quando o sinal está verde, ele abre para os pedestres ai fica mais difícil entrar a direita do que quando o sinal está vermelho…
  5. Aqui nos EUA não existem radares de trânsito que multam automaticamente. Para você receber uma multa de trânsito você tem que ser parado por um guarda que vai te dar a multa. Algumas vezes o guarda não te pára simplesmente, ele vai atrás de você com todas as luzes e sirenes ligadas, igual em filme. Tomar multa de trânsito aqui é uma coisa bem mais grave, pode até dificultar você conseguir um emprego.
  6. Aqui nos EUA não existe vagas para grávidas ou idosos, nem atendimento especial para eles ou mães com crianças de colo. Só deficientes físicos tem vagas a atendimento especial e ninguém usa a vaga deles, até porque a multa é bem alta.
  7. Aqui nos EUA você pode tirar a carteira de motorista com 16 anos, por outro lado você só pode consumir bebida alcóolica depois dos 21 anos. As regras de trânsito são mais rígidas para quem tem menos de 18 anos.

Alimentação

  1. Nos EUA são muito comuns os restaurantes do tipo “all you can eat” em que você paga um preço fixo e come o quanto quiser, ou “kids eat free” onde as crianças não pagam. Em qualquer lugar tirando os restaurantes super refinados as porções são enormes, então mesmo quando não é preço fixo acaba sendo “all you can eat”. É bem raro você conseguir matar um prato inteiro servido aqui.
  2. Por isso aqui nos EUA as pessoas costumam sair dos restaurantes com caixinhas de comida para requentar e comer depois. Isso é comum até nos restaurantes caros. O garçom sempre vem perguntar se você quer que embrulhe (e não se paga por isso, isto é pela vasilha).
  3. Aqui nos EUA o serviço não está incluído na conta, mas é considerado uma ofensa grave se você não deixa gorjeta, em torno de 15 a 17% do valor da refeição. Se você não deixar gorjeta o garçom vai entender que você achou o atendimento péssimo e que nunca mais vai voltar. É melhor que não volte mesmo, porque ele vai lembrar de você.
  4. Aqui nos EUA as pessoas costumam comer comida quente no café da manhã mesmo quando estão em casa. Ovos, bacon, panquecas, waffle e mingau de aveia são os campeões de audiência. Uma mãe americana que se preza prepara um bom café da manhã quente para a família (mesmo que seja colocando tudo semi pronto no microondas).
  5. Já no almoço em geral os americanos comem comida fria, tipo sanduíche ou salada, ou então pizza, que é mais consumida aqui no almoço do que no jantar.
  6. Aqui nos EUA as pessoas comem pizza com as mãos e os ingredientes são os mais inusitados misturando várias proteínas. Tipo pizza de salame com carne moída e frango. E os molhos também são diferentes, tem pizza com molho de tomate mas também tem pizza como molho pesto, barbecue entre outros (mas, o interessante é que toda pizza já vem com bastante molho, você não precisa colocar ketchup como geralmente fazemos no Brasil)
  7. Os americanos estão sempre atrás de uma nova dieta milagrosa e elas acabam virando moda nos restaurantes e nos supermercados. Antes você achava tudo light, depois tudo sem carboidrato e agora é tudo gluten free.
  8. As pessoas que tem mais dinheiro acabam tendo uma alimentação mais saudável. É moda comprar orgânicos na feira, por exemplo, mas é bem mais caro do que comprar uma lasanha congelada pronta no supermercado.
  9. O que as pessoas chamam de churrasco aqui nos EUA normalmente é hambúrguer e hot dog na grelha, as vezes rola uma costelinha de porco. Picanha você só encontra se for em um açougue especializado. Os cortes de carne aqui são bem diferentes.

Educação

  1. Aqui nos EUA a grande maioria das crianças estudam em escola pública, mesmo as mais ricas. Mas existe uma grande diferença de qualidade em relação as escolas públicas dos bairros ricos e as dos bairros pobres.
  2. Os país participam ativamente da vida escolar dos filhos e contribuem financeiramente e com seu tempo nas escolas dos filhos e é isso que acaba diferenciando as escolas públicas dos diferentes bairros. Alugar uma casa aqui em um bairro com escolas excelentes pode custar o dobro de um bairro com escolas piores, mesmo que sejam em ruas lado a lado.
  3. Aqui nos EUA todos os alunos estudam cerca de 7 horas por dia. As escolas começam em torno das 8:30 e liberam as 15:30. Algumas escolas oferecem atividades entre 15:30 e 17:00, mas essa hora extra é paga (bem paga).
  4. Aqui nos EUA a aula de educação física tem a mesma importância e a mesma carga horária do que as outras matérias, como ciências e estudos sociais. Em geral tem aula de educação física 3 vezes por semana, e as avaliações valem nota, como as outras.
  5. Nas escolas aqui nos EUA as classes são dos professores e não dos alunos. Então os alunos vão mudando de sala para fazer cada matéria. E a classe não é a mesma, ou seja, você pode fazer matemática com uma turma e inglês com outra. As classes em geral são formadas pelos níveis dos alunos, ou seja, você pode estar em uma classe “normal” de inglês e numa classe “avançada” de matemática.
  6. Aqui nos EUA as pessoas em geral não repetem de ano. Se você vai muito bem você é colocado em uma classe mais avançada, junto com alunos mais velhos do que você, se você vai mal, pode ser colocado em uma classe mais fraca, com gente mais nova, mas isso é feito matéria por matéria. Em geral se você é muito ruim ou indisciplinado você tem que sair da escola regular e ir para uma escola de recuperação. Isso também pode acontecer se você fica doente por muito tempo e perde muitas aulas.
  7. Aqui nos EUA as férias de verão duram quase o verão inteiro. Elas começam no meio de junho e as aulas só voltam no início de setembro. Já no meio do ano escolar, que é em janeiro, as crianças só tem 15 dias de férias e depois tem mais uma semana no começo da primavera, em abril.
  8. Aqui nos EUA não existe faculdade de graça. E quanto melhor a faculdade mais cara ela é. Alguns pais já começam a guardar dinheiro para pagar a faculdade assim que o filho nasce. Também tem gente que investe muito no esporte para tentar conseguir uma bolsa de estudos. Mestrado e doutorado também são bem caros e não rola bolsa do governo para quem está fazendo esses cursos.
  9. Aqui nos EUA as bibliotecas públicas e das escolas são super bem equipadas. As bibliotecas maiores tem salas de reunião, wi-fi grátis, café, é como se fosse um escritório compartilhado, só que de graça.

Esportes

  1. Aqui nos EUA eles se consideram os melhores em todos os esportes. Por isso vários campeonatos americanos são chamados de “world series” ou “world championship” mesmo quando só tem time americano no páreo.
  2. O esporte mais popular aqui, de longe é o futebol americano, a NFL,  o segundo é o futebol americano universitário, só depois vem basquete e baseball. Os americanos são tão fanáticos pelo football que até alguns jogos dos times do ensino médio são transmitidos pela televisão.
  3. Aqui nos EUA o nosso futebol, que eles chamam de soccer é um esporte tão feminino quanto masculino. Aliás ainda tem mais menina do que menino que joga esse esporte, já que os meninos preferem futebol americano e baseball que as meninas em geral não podem jogar.
  4. Os principais times daqui levam o nome da cidade então quase todo mundo que mora em um lugar torce para o mesmo time. Mas apesar de levar o nome da cidade o time tem dono, que pode levar o time de uma cidade para outra. Por exemplo, o time de baseball aqui de São Francisco, o Giants, antes era de Nova Iorque e o dono trouxe o time para cá.

Relações Sociais

  1. Aqui nos EUA as festas tem horário para começar e para acabar, e começam e terminam no horário marcado.
  2. Em geral as festas infantis são bem mais simples e mais curtas do que no Brasil. A criança convida uns 10 amigos e a festa dura umas 2 horas. Os presentes também são menores e muitas mães pedem para que as pessoas não levem presentes ou para fazerem uma doação para alguma instituição no nome da criança.
  3. Aqui nos EUA as pessoas não se comprimentam com beijinho e só dão abraço em quem já tem alguma intimidade. Em geral rola apenas um aperto de mão.
  4. É bem raro um colega de trabalho convidar outro para conhecer a casa, ou usar a sua casa para reuniões de trabalho.
  5. Aqui nos EUA há um sentimento de comunidade bem grande. Os vizinhos se conhecem e se ajudam. Se você precisa de alguma coisa, em geral alguém da comunidade irá te ajudar ou te emprestar.
  6. Aqui nos EUA o conceito de clube é diferente do Brasil. Existem alguns clubes aqui em que você compra o título, mas eles são muito caros e super exclusivos. Mas existem clubes mais simples em que você pode se associar pagando uma mensalidade ou mesmo só o dia, meio parecido com as academias no Brasil.
  7. Pelo menos aqui na Califórnia a comunidade gay é tratada de maneira totalmente natural na sociedade. Minhas filhas tem amigas com duas mães e com dois pais e é normal.
  8. Aqui nos EUA a opção ao aborto é considerado um direito da mulher, pelo menos nos Estados mais progressistas.
  9. Com relação a bater em crianças ainda há muita diferença entre os Estados. Tem lugar que não permite castigos físicos dos pais nos filhos, mas tem outros em que até os professores ainda podem bater nas crianças se julgarem apropriado.
  10. A religião predominante aqui nos EUA é a protestante, mas as muitas religiões convivem em harmonia. A maioria das pessoas que eu conheço frequenta alguma igreja nos finais de semana.
  11. Os americanos são obcecados por algumas celebridades. Antes era a Jennifer Aniston e a Angelina Jolie, agora é a família Kardashian. Elas estão em TODAS as capas das revistas e todo mundo sabe mais da vida delas do que dos próprios parentes.

Casa

  1. Aqui nos EUA quase ninguém tem empregada todos os dias em casa, em geral as pessoas contratam uma faxineira ou uma empresa de limpeza por algumas horas por semana. Esse serviço é pago por hora e é bem caro.
  2. Por isso a maioria das crianças americanas é educada para ajudar na casa desde de pequenas. Cada criança tem a sua lista de “chores” que são atividades que elas precisam fazer na casa.
  3. Com isso, aqui nos EUA o nível de limpeza e organização das casas é outro, se é que vocês me entendem…
  4. Aqui nos EUA quase ninguém cozinha “from scratch” ou seja, do zero. Uma vez eu estava preparando um frango assado no forno e a mãe de uma amiga da minha filha veio visitar, ela ficou impressionadíssima. É quase tão incomum quanto costurar a própria roupa.
  5. Aqui nos EUA as máquinas de lavar e secar roupa em geral ficam perto dos quartos, na maioria das casas não existe área de serviço. Em certas residências, até tem área de serviço no porão.
  6. Nas casas americanas só tem ralo no chão do chuveiro os nas pias. Não existe ralo no chão do banheiro ou da cozinha. As pessoas limpam esses lugares com panos úmidos descartáveis que já vem com produto ou com mopp (usando produtos de limpezas).
  7. Aqui nos EUA também é muito difícil achar vassoura de pêlo para comprar, as pessoas não varrem a casa, no máximo passam aspirador.
  8. Alugar casa aqui nos EUA é muito fácil. Basicamente é o mesmo procedimento do que alugar um imóvel pelo Airbnb. Você fecha um contrato de uma página por email. Não existe fiador. No máximo o proprietário vai te pedir um mês de depósito. Por outro lado se você não pagar pode ser despejado no mês seguinte.
  9. Aqui nos EUA as pessoas tem o costume de limpar toda a casa e destralhar aquilo que eles não usam mais no começo da primavera. E ai eles vendem as coisas que não usam mais  fazendo uma lojinha na frente da garagem, chamado “garage sale”. Mesmo gente bem rica faz isso.
  10. Aqui nos EUA o caminhão de lixo passa só uma vez por semana. Cada casa tem direito a três tambores. O maior é para compostos orgânicos tipo folhas e cascas de comida, o médio é para reciclados e o menor é para lixo mesmo. Esse serviço é pago e você tem direito a destralhar umas coisas grandes tipos máquinas quebradas e sofás rasgados duas vezes por ano.
  11. Aqui nos EUA você também pode doar as coisas que estão em bom estado. Se você não vai usar mais um sofá por exemplo, se ele está em  bom estado você pode doar para o Exército da Salvação. É só agendar o serviço pela internet, eles vem retirar o objeto e te dão um recibo no valor que você estipular pela doação. Esse valor pode ser descontado do seu imposto de renda.

postagem original do blog brasilcomz

Anúncios

2 comentários sobre “Observações de uma brasileira nos Estados Unidos da América!

Adoraria saber sua opinião. Deixe aqui seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s